Mostrando itens por marcador: desenhos 1930 a 1959

Quarta, 05 Janeiro 2011 01:00

Betty Boop - 1930

Betty Boop é uma personagem de desenho animado que apareceu nas séries de filmes Talkartoon e Betty Boop, produzidas por Max Fleischer e distribuídas pela Paramount Pictures. Betty tinha um jeito de garota independente e provocadora, sempre com as pernas de fora, exibindo uma cinta-liga. Foi em 1930 que a personagem imigrante judaica começou sua "carreira", em Dizzy Dishes, espelhando-se nas divas desta década, ao som de muito jazz (Big Bands). Mas ela ficou famosa mesmo quando interpretou "Boop-Oop-a Doop-Girl" (vídeo mais abaixo), de Helen Kane, e, enfim, entrou para a história, participando de mais de 100 animações.





Entretanto, após 1934, o novo Código de Produção impôs uma censura à personagem. Em nome da moralidade, Betty não poderia mais exibir seus decotes nem suas roupas insinuantes. Acredita-se que o comportamento progressivo da personagem era algo para o qual a população dos Estados Unidos da época não estava preparada. Afinal, eram tempos de Disney e seus característicos personagens infantis. Os irmãos Fleischer modificaram a imagem de Betty, vestindo-a até o pescoço. Contudo, mantiveram em evidência o contorno de seus seios sobressaindo das malhas colantes, o que a deixou mais sensual. Em 1939, Betty Boop foi proibida de aparecer nas telas pelo Comitê Moralizador após anos de perseguição. Com a sua enorme sensualidade, em seus shows nos pubs nova-iorquinos, não havia mulher que não invejasse seu sex appeal, ou homens que não a cortejassem ao fim da noite. Betty Boop era assim, jeitinho ingênuo e atitudes de uma loba no cio. Ela foi um grande sucesso nas platéias de teatro, e apesar de ter decaído durante a década de 30, continua popular e politicamente correta atualmente pelo ar de sensualidade. From Wikipedia. Tradução/adaptação livre: Vitor Pinheiro.

Publicado em Desenhos
Sexta, 31 Mai 2013 21:00

Bibo Pai e Bobi Filho - 1959

Bibo Pai e Bobi Filho (Augie Doggie Doggie Daddy) são os personagens de um desenho animado de Hanna-Barbera que estreou como segmento de outro desenho: Pepe Legal (The Quick Draw McGraw Show, Pepe Legal Show), e que apareceu, posteriormente, em seu próprio segmento. Os episódios da dupla eram centrados em torno das desventuras de um super pai que tenta fazer o melhor que pode para melhorar a educação de seu filho, um tanto indisciplinado, julgando oque seria o melhor para ele, mesmo com algum desagrado, às vezes, de Bobi (sua personalidade calorosa fazia com que acabasse concordando com osdesejos de seu filho). Já o pequeno filhote, que amava seu pai, se refere ao genitor como o "velho e querido pai", admiração que não diminuía mesmo quando ele era suavemente repreendido, e era muito espirituoso motivado pelo desejo de cumprir suas ambições, bem como tornar o seu pai orgulhoso.
Publicado em Desenhos
Domingo, 03 Novembro 2019 09:14

Herman e Katnip - 1944

Herman e Katnip são uma dupla de personagens de desenhos animados (Herman, o rato, e Katnip, o gato). De 1944 a setembro de 1950, Herman apareceu sem Katnip, que fez sua primeira aparição em novembro de 1950 no episódio "Mice Meeting You".



Os dois personagens continuaram estrelando desenhos da Famous Studios até 1959 (aqui no Brasil, foi veiculado no início dos anos 60). Esta série, distribuída pela Paramount Pictures, é essencialmente um clone de Tom e Jerry, da MGM. A principal diferença é que, independentemente de quem personificava o bem ou o mal (com Katnip sendo este último em quase todas as ocasiões), Herman sempre se destacava contra Katnip, enquanto Tom ganhava seu quinhão de batalhas em quadrinhos contra Jerry. No entanto, Katnip raramente teve problemas em forçar Herman a pagar de alguma maneira por suas vitórias. Arnold Stang dublou Herman, enquanto Sid Raymond dublou Katnip (no idioma original). From Wikipedia. Tradução/adaptação livre: Vitor Pinheiro.

Publicado em Desenhos
Sexta, 02 Novembro 2018 15:01

O Recruta Zero - 1950

Recruta Zero (Beetle Bailey) é uma personagem de quadrinhos e desenho animado criado por Mort Walker. É um recruta do exército americano, lotado no quartel Camp Swampy. Sempre cultivando sua preguiça e bom-humor, Zero é implacavelmente perseguido pelo adiposo e volátil Sargento Tainha, que não admite nenhuma insubordinação. Ainda assim, Beetle Bailey sempre dá um jeito de escapar da labuta. Seu lema de vida é: Never let to tomorrow what you can do the day after tomorrow ("Nunca deixe para amanhã o que você pode fazer depois de amanhã"). Outro de seus famosos aforismos é: It´s funny how time flies when we are goofing off ("É engraçado como o tempo voa quando a gente está de folga").

Publicado em Desenhos
Domingo, 14 Março 2010 00:00

Plic, Ploc & Chuvisco - 1958

Plic, Ploc & Chuvisco (no original Pixie and Dixie and Mr. Jinks) é uma série de desenhos animados produzidos pela Hanna-Barbera, que fazia parte do show do Dom Pixote, originariamente exibido de 1958 a 1962, tendo um gato (Chuvisco) contra uma dupla de ratos (Plic & Ploc) em um ambiente doméstico. A série lembrava Tom & Jerry, mas a violência era pouca, concentrando-se em divertidos diálogos que no Brasil foram valorizados pela excelente dublagem (de Chuvisco eram memoráveis a risada engasgada e o bordão: -Eu odeio esses ratos ! (tradução para I hate those meeces to pieces!). Embora Chuvisco fosse menos violento que Tom, muitos o consideravam mais sinistro.

Publicado em Desenhos