Menu

Um Homem Chamado Sloane - 1979 Destaque

Um Homem Chamado Sloane ("A Man Called Sloane") é uma série de televisão americana que foi ao ar pela rede NBC de 1979 a 1980 em uma única temporada. Com produção de Quinn Martin, ela conta a estória das aventuras de um agente secreto americano, Robert Conrad como Thomas R. Sloane III (na prática um espião freelance que trabalha em missões ocasionais para a "UNIT", uma operação secreta da inteligência americana dirigida pelo "The Director", papel desempenhado por Dan O'Herlihy). A entrada secreta do quartel da "UNIT" era uma loja de brinquedos, e sua maior inimiga a organização KARTEL. Os ajudantes de Sloane em suas missões eram Torque, seu braço direito desempenhado por Ji-Tu Cumbuka, e "Effie", um computador cuja voz era interpretada por Michele Carey.

Um Homem Chamado Sloane era uma amálgama dos elementos de várias séries de espionagem dos 15 anos anteriores, incluindo O Agente da Uncle, Missão Impossível e James West, série esta em que Conrad foi protagonista. Foi uma das séries mais caras produzidas durante aquela temporada, não tendo conseguido conquistar uma audiência que impedisse o seu cancelamento após 12 episódios transmitidos.
Um ano mais tarde, em 1981, foi ao ar pela rede NBC o filme intitulado Death Ray 2000 que era na verdade o piloto da série original. A estrela do cinema Robert Logan fez o papel de Sloane e Cumbuka também aparece como Torque, só que no filme o personagem era um vilão (From Wikipedia, the free encyclopedia. Tradução e adaptação livre: Vitor Pinheiro).

voltar ao topo