Menu

Pepe Legal - 1959 Destaque

Pepe Legal é um desenho animado exibido no Brasil do original em inglês The Quick Draw McGraw Show, Pepe Legal Show, um desenho da Hanna-Barbera que apareceu pela primeira vez em 1959. Acompanhavam o show do cavalo xerife mais duas seqüências: Bibo Pai & Bobi Filho ("Augie Doggy and Doggy Daddy") e Olho Vivo & Faro Fino ("Super Snooper and Blabber Mouse"). Todos esses personagens fizeram grande sucesso na TV na década de 60.

Na abertura do desenho, Pepe Legal vem numa carroça puxada por outros cavalos, passando por desfiladeiros, pontes e riachos, onde as rodas se adaptam às curvas do caminho, aumentando e diminuindo a largura do eixo para se moldarem às depressões do terreno. Uma máquina fantástica. No final, ao puxar o freio, eis que o mesmo não funciona e nosso herói se vê afundando enquanto freia com o pé, até ficar completamente coberto pelo solo.

Pepe Legal, um cavalo xerife ou um xerife cavalo?

     * Não importa...

     * O que vale para ele é manter a lei e a ordem no velho oeste.

Personagens

     * Babalu é o parceiro de Pepe Legal, um burrinho mexicano, ajudante do xerife. Seu sotaque de gringo é um charme do desenho.

     * Rafeiro, o cão de Pepe Legal, o fiel amigo do homem, fará qualquer coisa para ajudar seu dono desde que receba alguns biscoitos caninos. Ao recebê-los, ele se contorce todo, cheio de felicidade, fechando os olhos e começando a flutuar. Depois, desce suavemente acompanhado por um som celestial (esta mesma gag foi empregada na série "Esquadrilha Abutre" ou "Máquinas Voadoras"  de 1969 no momento em que o Muttley recebia uma medalha do seu dono, Dick Vigarista. Pronto! Aí vai ele ajudar o defensor da lei.

    * El Kabong - não falem para ninguém - mas esta é a identidade secreta de Pepe Legal. Assim como existe "Zorro, capa e espada", existe também "El Cabong, de capa e violão". Isso mesmo, seu violão é sua poderosa arma, capaz de desarmar qualquer vilão apenas com uma paulada do instrumento musical na cabeça, seguido da palavra: - Kabongo...vídeo abaixo

voltar ao topo