Menu

O Poderoso Thor - 1966 Destaque

Thor é um personagem de HQ presente no Universo Marvel, publicado pela Marvel Comics. Baseado no deus Thor da mitologia nórdica, ele foi criado por Stan Lee, Larry Lieber e Jack Kirby, tendo Joe Sinnot participado como desenhista ajudante, não sendo creditado. Sua primeira aparição foi numa revista chamada Journey into Mystery nº 83, em 1962, nos E.U.A. Ele também protagonizou um segmento da série animada Os Super Heróis Marvel que foi ao ar, originalmente, em 1966, O Poderoso Thor, "The Mighty Thor" (segundo vídeo abaixo).

Quando O Poderoso Thor surgiu para os quadrinhos Marvel, os artistas se inspiraram nas lendas nórdicas, com seus deuses e ameaças tão fantásticas. Mas ele só foi retratado como o verdadeiro deus nórdico, e não um humano com seus poderes, quando Lee assumiu os roteiros da personagem, que no início ficaram a cargo de seu irmão, Larry Lieber. Assim, foi criado um dos mais poderosos membros dos Vingadores
Em várias histórias Thor enfrenta divindades de outras mitologias. O confronto mais memorável foi quando combateu Hércules, num arco de histórias de Lee/Kirby que introduziu os deuses gregos no Universo Marvel. Também já enfrentou o deus egípcio Seth
Filho de Odin, o Deus supremo de Asgard (o céu dos nórdicos) e de Jord, a deusa da Terra (também chamada de Midgard), Thor é o príncipe de um outro mundo existente numa dimensão acima de Midgard, a Terra. Nesse mundo, existem outros diversos reinos como por exemplo a terra dos gigantes de gelo e Valhalla, o lugar para onde vão os espíritos dos guerreiros que morrem em combate. Trata-se justamente de uma adaptação da mitologia nórdica, traduzida no Universo Marvel como apenas mais uma dimensão paralela. 
Os nove mundos de Asgard são ligados pela Ponte do Arco-Íris (Bifrost), que é guardada por Heimdall, o eterno guardião da ponte. Thor possui um irmão adotivo chamado Loki, o traiçoeiro deus das trapaças e mentiras. Devido à sua má índole e à inveja que sente por Thor por este ser o filho mais querido de Odin, Loki está sempre a tramar a morte do irmão e a posse de Asgard (coloquei um pequeno trecho do episódio piloto abaixo).

voltar ao topo